Turbilhão

Já conheci
as várias máscaras da solidão
sobre a face imutável
do silêncio.

Resta-me o sonho
do som
espeliágico
que me mostre
a mim.

20/7/02