Tarde

Os filhos do sonho
são almas de reisque adentram os trens
em vapores e silêncios.

Sentem as pessoas
voltando pra casa
com olhos no nadae despertam no hoje
o afã de realizar
um amanhã.

13/9/02