A Casa do Bruxo

VOLTAR

128 poesias
Ricardo Reis

  • Abelha, A
  • Cada Qual, A
  • Acima da Verdade
  • Flor que És, A
  • Aguardo
  • Aqui
  • Aqui dizeis.
  • Aqui, neste misérrimo desterro
  • Ao Longe
  • Aos Deuses
  • Antes de Nós
  • Anjos ou Deuses
  • Palidez do Dia, A
  • Atrás Não Torna
  • Nada Imploram, A
  • As Rosas
  • Azuis os Montes
  • Bocas Roxas
  • Breve o Dia
  • Cada Coisa
  • Cada dia sem gozo não foi teu
  • Cada Um
  • Como
  • Coroai-me
  • Cuidas, Índio
  • Da Lâmpada
  • Da Nossa Semelhança
  • De Apolo
  • De Novo Traz
  • Deixemos, Lídia
  • Dia Após Dia
  • Do que Quero
  • Domina ou Cala
  • Estás só. Ninguém o sabe.
  • Este Seu Escasso Campo
  • É tão Suave
  • Feliz Aquele
  • Felizes
  • Flores
  • Frutos
  • Gozo Sonhado
  • Inglória
  • Já Sobre a Fronte
  • Lenta, Descansa
  • Lídia
  • Melhor Destino
  • Mestre
  • Meu Gesto
  • Nada Fica
  • Não a Ti, Cristo, odeio ou te não quero
  • Não a Ti, Cristo, odeio ou menosprezo
  • Não Canto
  • Não Consentem
  • Não Queiras
  • Não quero as oferendas
  • Não quero, Cloe, teu amor, que oprime
  • Não quero recordar nem conhecer-me
  • Não Só Vinho
  • Não só quem nos odeia ou nos inveja
  • Não sei de quem recordo meu passado
  • Não sei se é amor que tens
  • Não Tenhas
  • Nem da Erva
  • Negue-me
  • Ninguém a outro ama
  • Ninguém, na vasta selva virgem
  • No Breve Número
  • No Ciclo Eterno
  • No Magno Dia
  • No mundo, Só comigo, me deixaram
  • Nos Altos Ramos
  • Nunca
  • Ouvi contar que outrora
  • Olho
  • Que Sentimos, O
  • Deuses e os messias, Os
  • Deus pã, O
  • Deuses, Os
  • Ritmo antigo, O
  • Mar jaz, O
  • Sono é bom, O
  • Rastro breve, O
  • Para os Deuses
  • Para ser grande, sê inteiro: nada
  • Pesa o Decreto
  • Ponho na Altiva
  • Pois que nada que dure, ou que, durando
  • Prazer
  • Prefiro Rosas
  • Quão breve tempo é a mais longa vida
  • Quanta Tristeza
  • Quando, Lídia
  • Quanto faças, supremamente faze
  • Quem diz ao dia, dura! e à treva, acaba!
  • Quer Pouco
  • Quero dos Deuses
  • Quero Ignorado
  • Rasteja mole pelos campos ermos
  • Sábio
  • Saudoso
  • Segue o teu destino
  • Se Recordo
  • Severo Narro
  • Sereno Aguarda
  • Seguro Assento
  • Sim
  • Só o Ter
  • Só Esta Liberdade
  • Sofro, Lídia
  • Solene Passa
  • Se a Cada Coisa
  • Sob a Leve Tutela
  • Súbdito Inútil
  • Tão cedo passa tudo quanto passa!
  • Tão Cedo
  • Tênue
  • Temo, Lídia
  • Tirem-me os Deuses
  • Tudo, desde ermos astros afastados
  • Tudo que Cessa
  • Tuas, Não Minhas
  • Uma Após Uma
  • Uns
  • Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio
  • Vivem em nós inúmeros
  • Vive sem Horas
  • Vós que, Crentes
  • Vossa Formosa